Beneficios do gengibre

Benefícios do gengibre

Considerado um superalimento, o gengibre encontra-se cada vez mais presente nas cozinhas dos nossos lares. Esta planta tem uma grande concentração de nutrientes benéficos para a saúde, tais como óleos essenciais, antioxidantes, minerais, vitaminas e aminoácidos. Muitos dietistas e nutricionistas recomendam o seu consumo pelos seus numerosos efeitos saudáveis para o nosso organismo. Continua a ler o nosso artigo para descobrir todos os seus benefícios!

O gengibre é uma planta medicinal da família das zingiberáceas, juntamente com o cardamomo e a curcuma. Esta planta nasce praticamente em todas as zonas tropicais do mundo. Cresce na Índia, Jamaica, Fiji, Indonésia e Austrália, mas consumimos o gengibre da China e do Peru. O seu tamanho pode chegar até aos 90 cm de altura e possui folhas de 20 cm. A parte mais valorizada desta planta são as suas raízes, pelo seu aroma e sabor picante. Além disso, hoje, pode ser utilizado tanto como especiaria, como planta medicinal.

Os benefícios do gengibre para a saúde

Conforme já comentámos anteriormente, o gengibre proporciona muitos componentes benéficos para o nosso corpo e mente. Estes compostos são os gingeróis, o beta-caroteno, a capsaicina, o ácido caféico, a curcumina e o salicilato. Entre os seus benefícios, encontram-se os seguintes:

1. Facilita a digestão

O gengibre ativa os movimentos intestinais e a absorção de nutrientes. Simultaneamente, elimina as toxinas desnecessárias para o correto funcionamento do organismo. Deste modo, o gengibre costuma ser utilizado para tratar acidez e os gases intestinais.

2. Contribui para a perda de peso

Esta planta acelera o metabolismo estimulando o processo para queimar gordura corporal. Os compostos 6-gingerol e 8-gingerol aumentam a temperatura corporal e a produção de suor.

3. Previne o cancro colorretal, de ovários e o aparecimento de úlceras

Ajuda na prevenção do cancro colorretal, graças ao composto 6-gingerol. Esta substância impossibilita o desenvolvimento e a proliferação de células cancerígenas. Por outro lado, o gengibre ajuda a combater a bactéria H responsável por causar úlceras gástricas.

4. Atua como antioxidante e anti-inflamatório

Tem uma ação antioxidante no corpo. Previne doenças como gripe, constipações, tonturas, cancro e envelhecimento prematuro. Além disso, é um anti-inflamatório natural, melhora a dor de cabeça e muscular, assim como doenças respiratórias como tosse, asma e bronquite. 

5. Melhora o fluxo sanguíneo

Graças ao seu efeito anti-inflamatório, regula a pressão arterial melhorando o fluxo sanguíneo. Além disso, o gengibre torna o sangue mais “líquido“, tornando-o mais fluido. Tal favorece a prevenção de doenças cardiovasculares.

6. Elimina as tonturas e vertigens

Principalmente para as tonturas que podem ocorrer de manhã ou para as mulheres grávidas. Mastigar ou beber chá de gengibre evita náuseas e a vontade vomitar. Além disso, existe uma grande variedade de chás e infusões que misturam gengiva com outras ervas para aumentar os seus benefícios. Também podemos consumi-lo em  rebuçados ou pastilhas para uma fácil absorção.

7. Diminui as enxaquecas e as dores menstruais

O gengibre é utilizado, já há muitos anos, para combater as famosas enxaquecas e as dores menstruais. Isso ocorre porque consegue bloquear os efeitos da prostaglandina presente em ambos os casos. Por outro lado, existem suplementos alimentares de gengibre específicos para aliviar as enxaquecas.. Estes suplementos ajudam a atenuar a tensão física e nervosa e, além disso, reduzem os níveis de stress. 

8. Alívio da gripe

O gengibre é diaforético, ou seja, promove o suor. Trabalha para aquecer o corpo desde dentro, pelo que também ajuda a diminuir os sintomas de constipação.

9. Gengibre como afrodisíaco

Como já comentámos anteriormente, a sua ação anti-inflamatória ajuda a relaxar os músculos e a tensão do corpo. A isto podemos somar que melhora o fluxo sanguíneo e sensibiliza as zonas erógenas do corpo. Estas propriedades tornam o gengibre um afrodisíaco natural cujos efeitos se podem rapidamente verificar.

Como consumir o gengibre?

Para cozinhar, costuma utilizar-se a raiz ou o rizoma da planta. Pode ser consumido de diversas formas: fresco, em pó, em especiaria, em óleo, em sumo ou em infusão. O seu sabor picante é identificado como condimento no marisco e na carne de cordeiro da gastronomia chinesa. Na cozinha ocidental, o gengibre costuma ser utilizado em especiaria ou em pó em pratos doces. Embora também se possa encontrar na bebida ginger ale, em rebuçados ou em bolachas.

Por outro lado, também o podemos encontrá-lo em cápsulas, pastilhas ou óleos essenciais em forma de suplemento. São diversas soluções efetivas para aproveitar os numerosos benefícios deste superalimento para nossa saúde. O seu sabor tão peculiar não é do agrado de todos, no entanto, é uma excelente forma para reduzir a acidez gástrica. Portanto, consumir este tipo de comprimidos é uma boa opção. Em Mifarma, poderás encontrar uma grande variedade de opções adequadas às tuas necessidades..

Atenção se estás num destes grupos!

Embora seja considerado saudável para a maioria das pessoas, existem alguns grupos de pessoas que devem prestar especial atenção. Antes de ingerir o gengibre em qualquer uma das suas formas, devem recorrer ao médico os seguintes grupos de pessoas:

  • Diabéticos: uma propriedade do gengibre é a de poder baixar o nível de glucose no sangue. Portanto, os pacientes com diabetes deveriam regular as suas doses.
  • Grávidas: são eficazes para as náuseas matinais, mas, em doses elevadas, podem afetar negativamente o feto. Calcula-se que a dose máxima deva ser de 1 g por cada quilo de peso.
  • Pessoas que estejam a tomar medicamentos anticoagulantes: como a aspirina ou a varfarina. Estes medicamentos reduzem a capacidade do sangue para formar coágulos. Portanto, corre-se o risco de provocar hemorragias.

Em MiFarma, queremos saber se és um dos amantes do gengibre ou se ainda não provaste todos os seus benefícios. Não hesitem em colocar questões e partilhar connosco as vossas experiências. Teremos todo o gosto em ler os vossos comentários!

Reme Navarro

Reme Navarro Escrivá

Farmacéutica y Nutricionista. Licenciada en Farmacia en la Universidad de Valencia en el año 2007, Licenciada en Nutrición en la misma universidad en el 2009. Dedicada al mundo de la salud y la farmacia desde hace mas de 15 años. Entre reunión y reunión en Mifarma escribo éste blog de los temas que considero interesantes para la salud y el cuidado personal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *